quinta-feira, 1 de janeiro de 2009

Pensamentos

O que na verdade pode definir o que somos ou o que podemos ser?

O tempo vai passando e vamos mudando com o tempo. Vamos aprendendo ou vamos deixando o que aprendemos.

O movimento da vida vai nos moldando, a mídia dita regras o DINHEIRO compra o nosso caráter.

Tem gente que muda por tanto apanhar

Tem gente que muda pelo dinheiro e tem gente que muda nem sei por quê.

O ruim é quando mudam pro mal e deixam de viver.

Momentos especiais são esquecidos, atitudes agradáveis vão sendo esquecidas e o engraçado disso tudo é que as atitudes infelizes que de alguma forma machucou vai ficando na superfície da memória.

Seria tão bom ter todas as pessoas que um dia contribuíram pra felicidade, que um dia conseguiram roubar um sorriso e com suas atitudes nos fizeram ser assim também.

Grandes amizades construídas vão sumindo com o tempo.

Será esse o propósito real de tudo?

Será que devemos viver bons momentos e depois esquecer tudo, apagar tudo como se apaga com uma borracha um risco feito por um lápis?

Amizades eternas, com pessoas incríveis parecem ser eternas, a correria do dia a dia nos separa e então um dia você precisa e essa pessoa esta ali. Seriam esses anjos? (risos)

É tão bom olhar e ver tudo o que construímos. As amizades, grandes relacionamentos e até mesmo o material.

Infelizmente hoje muita gente se vira para ver apenas o que construiu de material.

As pessoas importantes são apenas as pessoas que podem oferecer algo pra elas e todos que um dia fizeram parte de sua vida são apagados.

Como seria bom se tudo durasse para sempre. Os momentos bons, aquele dia que você foi a um lugar especial com pessoas especiais, seria tão bom se voltar a esse lugar fosse sentir a mesma sensação, respirar o mesmo ar.

A vida é tão boa e nos proporciona momentos especiais, ir a um lugar com outro propósito e no fim você encontra um grande amigo às vezes até é o dia do seu aniversário ou alguém que não ver a muito tempo. (risos)

Pessoas saem da sua vida e você sonha o dia de dar abraços nessas pessoas e quando chega o dia o abraço deveria ser eterno. (risos)

Que tipo de mundo é esse que estamos construindo? Onde o interesse esta em primeiro lugar, onde nossas vontades estão à frente de todas as coisas.

Deveríamos aprender a usar a nossa capacidade de conquista e conquistar o que realmente importa.

Construímos tantas coisas e no final não vamos levar nada a menos que tenhamos construído algo de verdade.

O que seria?

Todo conhecimento que adquirimos e todos os bons momentos que vivemos é o que realmente vamos levar, vamos deixar uma semente plantada em uma boa terra que será cultivada de geração em geração.

A vida é boa de mais pra ser desperdiçada, cada minuto vale muito e o que pode destruir bons momentos são nossas “ESCOLHAS”.

A vida é uma escola e podemos aprender com nossos erros e com os erros dos outros.

 

 

 

Bruno Morett

Ao som de Oficina G3 People get ready - Unconditional

Um comentário:

Erick.rij disse...

Verdade meu amigo...
esse post é um dos seus melhores...
cara eu tbm tenho essa sensação de ter amizades que parecem ser eternas e terminam por nada, ou por besteiras. Pessoas que mudam por nada. mas sei que existe algo que é imaterial que realmente levaremos pra uma vida eterna...